5 bons apps de entretenimento para seu divertimento

Depois da série de 5 apps para organizar sua vida, hoje é a vez do divertimento (e da rima no título). Nesse post vou dar umas dicas de aplicativos para seu dispositivo móvel para aliviar aquele tédio de sala de espera do médico. Só espero que ele tenha WiFi, certo? 😉

1. Jasmine

Se você, assim como eu, não gosta do aplicativo oficial do YouTube e também não quer entrar no navegador do celular/tablet para ver um simples vídeo, seus problemas acabaram. De graça e sem propagandas, o único defeito dele é existir apenas para iOS.

Ele faz tudo: procura os vídeos, te dá informações sobre os canais, possibilidade de comentar e dar o like/dislike, caso você tenha uma conta no YouTube, ver o trending, os vídeos mais populares… Enfim, tudo que um usuário comum gosta de fazer, e com gestos muito fáceis e instintivos. Você pode inclusive dizer ao app em qual qualidade você quer carregar os vídeos na rede WiFi ou na rede celular, o que é muito útil caso você tenha limite de planos.

Recomendadíssimo. E se você for um bom samaritano, pode comprar o app por dois míseros dólares do sujeito para ter o parental control, funcionalidade que eu nem sei bem para que serve, já que o próprio YouTube limita razoavelmente bem o conteúdo que vai para o site. É mais para ajudar o sujeito, mesmo.

2. Netflix (site)

Você provavelmente já deve ter ouvido algum amigo falar do Netflix ou visto a propaganda com a voz do Goku na televisão e se perguntado se realmente valia a pena, se o streaming dos vídeos seria feito sem travar… Bem, eu tinha as mesmas dúvidas, dei uma pesquisada e resolvi tentar para ver qualé que é.

Bom, eu gostei demais. Ainda estou naquele mês grátis de experimentação e pretendo continuar assinando depois que ele acabar. O custo é de R$ 16,90 por mês por um plano que permite que até dois aparelhos toquem vídeos ao mesmo tempo, mas também tem um que custa um pouco mais, mas que permite que até quatro aparelhos toquem ao mesmo tempo.

Notem que eu usei a palavra ‘aparelhos’ e não ‘celular’ ou ‘tablet’. Essa é uma das ótimas características do Netflix: universalidade. Você pode assistir pelo navegador, por um aplicativo para Windows 8, por celulares, tablets, seu console e até em algumas Smart TVs. O melhor de tudo é que ele sincroniza onde você parou, o que você já assistiu até agora e te sugere filmes, séries e documentários baseado naquilo que você já assistiu. Ah, ele também te possibilita criar perfis diferentes dentro do sistema. Assim, você cria uma lista diferente da da (não encham: está certo) sua mãe, namorada, irmão, etc.

O catálogo não é comparável ao americano, mas, para meu uso, está bom. Você não vai encontrar filmes que acabaram de sair do cinema, mas tem obras recentes e outras nem tanto. Ainda assim, acho que está bom para a maioria dos usuários comuns. Vale lembrar que os filmes não ficam lá para sempre, então é sempre bom não esperar demais para ver algo. Li em algum lugar que a permanência mínima de um filme é 1 ano, e que alguns ficam mais de acordo com as visualizações e classificações dos usuários.

Uma das dúvidas que eu tinha era quanto à conexão – seria suficiente para fazer o streaming de boa? A minha é uma NET 10 Megas (download a 1MB/s), e vai fácil. Às vezes demora uns dois minutos para atingir o 1080 Super HD, que é a qualidade máxima, mas na maioria das vezes chega lá bem rápido.

Recomendadíssimo!

3. Crackle (site)

Bom, para encurtar a história, o Crackle é um Netflix, mas de graça e que exibe propaganda no meio dos filmes e séries. O catálogo é bem menor e bem menos variado, e a maioria dos filmes é antiga e bem estilão Sessão da Tarde. Com uma boa peneirada, você pode achar algo bom aqui e ali, mas não é nada demais.

O único ponto bom é que ele é universal e funciona em praticamente qualquer dispositivo. Porém, acredito que sem um conta, você não pode ajustar a qualidade dos vídeos nem fazer muita coisa em relação às propagandas, que chegam a ser irritantes.

É muito mais um complemento caso você realmente esteja desesperado sem Netflix do que qualquer outra coisa.

4. VLC (site)

Bom, sem muito mistério aqui. Como a maioria deve saber, o VLC é um reprodutor de vídeos muito útil pelos seguintes motivos: toca basicamente qualquer coisa e tem suporte para legendas. Bacana, não?

Isso você já sabia. O que você talvez não saiba é que ele existe também para dispositivos móveis – e é aí que tudo fica melhor. Você tem AQUELE filme ou AQUELA série que não tem em nenhum serviço e não tem jeito: você recorre a sítios corsários para saciar sua vontade de assistir seus personagens favoritos entrando numa confusão da pesada!

É muito fácil utilizar o VLC – no iOS, por exemplo, para adicionar um vídeo, é só arrastá-lo no iTunes junto com a legenda (que deve ter o mesmo nome) e voilà: tudo funcionando certinho. Maravilha. E recomendadíssimo.

5. IMDb (site)

Esse serve como um complemento para tudo que já escrevi aqui. O IMDb, para quem não conhece, é o Internet Movie Database, que contém informações sobre praticamente todo ator, atriz, série, filme e qualquer outra coisa que você queira procurar relacionada ao mundo cinematográfico e televisivo.

Ele tem um aplicativo bem fácil de usar, sem maiores problemas. Algumas funções só estão disponíveis para quem tem conta lá, mas para o usuário comum, o básico é suficiente. Afinal, lembrar quem é o Gandalf ou o bom e velho 007* é difícil, né?

E aí, gostou? Faltou algum essencial? Deixe sua opinião!

(*Só para constar, existe apenas uma resposta certa: PIERCE BROSNAN.)

Anúncios